Notícia

ZF destaca evolução na condução automatizada

ZF, fábrica apoiadora da Rede PitStop, apresentou soluções para condução automatizada em evento mundial de tecnologia que aconteceu no início deste ano


Rede PitStop

As tecnologias de condução automatizada e autônoma são importantes para ajudar a tornar o tráfego do futuro mais seguro, mais eficiente e mais confortável. Dependendo da aplicação, o mercado exige soluções diferentes. Por enquanto, o maior potencial para carros de passeio são as funções de assistência inteligentes, as chamadas de nível 2+. 

Por outro lado, sistemas totalmente automatizados de nível 4 ou superior, provavelmente serão consagrados em veículos comerciais e veículos urbanos de transporte de passageiros. Este fato é comprovado pelos novos pedidos recebidos pela ZF, fábrica apoiadora da Rede PitStop, de montadoras de veículos comerciais e carros de passeio.

A ZF é um parceiro atrativo quando se trata de direção automatizada e autônoma para várias aplicações. “A ZF já oferece sistemas completos com níveis de preço e desempenho diferenciados e atua em todos os campos relevantes de aplicações para carros de passeio, veículos comerciais e tecnologia industrial”, explicou o CEO da ZF, Wolf-Henning Scheider, durante a CES 2020 (Consumer Eletronics Shows), evento que reúne tecnologias inovadoras das mais diversas áreas e que aconteceu entre os dias 7 e 10 de janeiro, em Las Vegas.

A empresa ampliou sua oferta de tecnologias para atender praticamente todos os requisitos. “Com o ZF coASSIST, estamos produzindo um sistema nível 2+ pela primeira vez, com funções de segurança e conforto conhecidos do segmento premium, mas que podem ser aplicadas nos veículos populares”, disse Scheider.

Primeiro grande pedido do ZF coASSIST
A ZF recebeu um grande pedido de uma renomada montadora automotiva asiática para fornecer o sistema básico coASSIST nível 2+ para carros de passeio a partir do final de 2020. O escopo de fornecimento da ZF inclui o desenvolvimento de sistemas e software, além da tecnologia de sensor e unidade eletrônica de controle central. 

A combinação do pacote de sensores avançados, incluindo câmeras e radares, com a unidade eletrônica de controle central, permite disponibilizar funções como controle de cruzeiros adaptativo, reconhecimento de sinais de trânsito, assistência de mudança e permanência de faixa e suporte a engarrafamento.

“Para carros de passeio, vemos o maior potencial dos conceitos de nível 2+ para implementar funções de direção automatizadas e torná-las acessíveis a todos os motoristas”, explicou Scheider. Neste caso, as funções de assistência são combinadas por uma unidade de controle adicional que forma um sistema de assistência holístico, poderoso e inteligente ao motorista. 

A maior variedade de funções em rede aumenta a segurança e conforto do condutor em comparação aos sistemas de assistência isolados. Os principais desafios dos níveis mais altos de automação em carros de passeio são o alto custo dos sistemas e as orientações regulatórias ainda incertas. 

O sistema ZF coASSIST será oferecido por menos de mil dólares. Além do coASSIST, a ZF oferece outros sistemas nível 2+ mais poderosos que são ZF coDRIVE e ZF coPILOT.

Veículos de transporte totalmente automatizados
“No caso de veículos comerciais, já estamos vendo grande demanda por sistemas que permitam direção totalmente automatizada até nível 4 e superior”, disse Scheider. Embora o uso de veículos totalmente automatizados no transporte público ainda dependa de regulamentação, os veículos comerciais já podem operar em modos altamente automatizados em áreas controladas ou faixas definidas. Além disso, o transporte sem motorista em pátios ou transporte urbano de passageiros oferece potencial de economia que leva a uma amortização rápida dos custos dos sistemas.

Com base no supercomputador ZF ProAI, a empresa está desenvolvendo uma Unidade de Controle Eletrônica (ECU) para sistemas nível 4 para uma montadora internacional de veículos comerciais. O lançamento para o mercado está previsto para 2024/25.

Fonte: Rede PitStop

10/01/2020

Avalie:

Comentários (0)

Enviar seu comentário